Pesquisar este blog

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Turismo nada convencional em Marajó

Uma verdadeira e maravilhosa aventura espera o turista na Ilha de Marajó. Saí de Belém para ir a Soure e foi uma experiência inesquecível! Primeiro, vai de lancha até Salvaterra, onde várias vans esperam o turista para levá-lo até a travessia da balsa até Soure. Ao chegar, ainda pegamos um táxi para nos levar ao hotel. Nunca andei tanto de barco como nesse dia, mas foi adorável! Parece que chegamos ao paraíso. O local é pouco explorado pelo homem e mantém ares primitivos, porém com certa estrutura para atender o turista.
A pecuária é o ponto forte da ilha. Sem contar que, na praia, há búfalos por todos os lados é possível dar uma volta montado em um deles ou mesmo só tirar uma foto. Impossível então é não provar o queijo feito com o leite de búfula. Deu até água na boca de lembrar!
À noite, houve apresentação de danças típicas no hotel em que nos hospedamos. Foi muito divertido e bonito ouvir batuques diferentes e lindos. As roupas são coloridas e rodadas. Após apresentarem as músicas, os dançarinos tiraram os turistas para dançar. Fechei com chave de ouro minha viagem a Belém. Os gostos, cheiros, cultura, história, lugares...Ah! Tudo é inesquecível!

Localização:

A ilha de Marajó tem 13 municípios, sendo Soure e Salvaterra os mais conhecidos e procurados pelos turistas. Fica bem próximo à capital do Pará: Belém (87 km), mas só se consegue chegar aos municípios de barco ou avião.

Leia outros posts sobre o Pará acessando:
http://blogviagenspelobrasil.blogspot.com.br/search/label/Par%C3%A1 

Conheça também e curta nossa página no facebook: www.facebook.com.br/blogviagenspelobrasil 

                                               *Texto e crédito das fotos: Karina Motta

Um comentário:

  1. Esse lugar vale a pena. Visitem quando forem à região!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir